Bem-vindos à Blockchain Descomplicada!

Esperamos que gostem do nosso boletim! Dê a sua opinião clicando aqui.
O seu feedback é importante para que o boletim melhore a cada edição!

Quer receber nosso boletim? Cadastre-se clicando aqui.
Click here for the English version.

* * *

Back to Square One
A “privacidade” é, sem dúvida, um dos temas mais importantes e discutidos na atualidade. No mundo cripto, o debate é altamente relevante, envolvendo desde o anonimato na blockchain até a privacidade em transações com criptoativos. Existem diversas plataformas que prometem algum tipo de privacidade (acima do pseudoanonimato das redes tradicionais), criando as chamadas Privacy Coins. Nesta edição, trazemos o artigo “The Privacy Coin Dilemma – What Are The Options On Offer?”, escrito por Gerald Fenech, que discorre sobre algumas privacy coins existentes do mercado.

* * *

Block News
BTG Pactual lança o criptoativo ReitBZ (RBZ) – O banco BTG Pactual – em conjunto com a Enforce – lançou o ReitBZ, um criptoativo que representa virtualmente um investimento em propriedades do mercado imobiliário brasileiro e será lastreado em propriedades urbanas do Rio de Janeiro e de São Paulo. De acordo com o banco, o criptoativo poderá ser adquirido por investidores de qualquer parte do mundo, salvo por brasileiros e americanos. Além do investimento inicial esperado em quinze milhões de dólares, o banco pretende estabelecer um mercado secundário para gerar liquidez nas negociações. (VALOR ECONÔMICO; 21.02.2019)

* * *

Galaxy S10, da Samsung, permitirá a armazenagem segura de chaves privadas – De acordo com o pronunciamento oficial, o celular Galaxy S10 terá o mecanismo de defesa Samsung Knox, assim como permitirá a armazenagem segura de chaves privadas para serviços baseados na tecnologia blockchain. No início de 2019, foram publicadas imagens do Samsung Blockchain KeyStore, mecanismo que permitirá o suporte das chaves privadas. Além disso, o celular terá uma carteira de criptoativos integrada que suportará tokens ERC-20, incluindo o Basic Attention Token (BAT) e a EnjinCoin (EJN). O celular começou a ser vendido em países selecionados no dia 08.03.2019, sem previsão de lançamento no Brasil. (THE BLOCK, 21.02.2019; SAMSUNG NEWSROOM, 20.02.2019; PORTAL DO BITCOIN, 27.02.2019)

* * *

Deputado Federal Áureo Ribeiro pretende apresentar novo projeto para regular criptoativos – Em 08.07.2015, o Deputado Federal Áureo Ribeiro apresentou o Projeto de Lei nº 2303/2015 que tinha como objetivo regular as moedas virtuais e programas de milhagem aéreas, incluindo-as na definição de “arranjos de pagamento” sob a supervisão do Banco Central. O referido projeto foi arquivado em janeiro de 2019. Em entrevista ao Portal do Bitcoin, o deputado informou que irá apresentar novo projeto de lei, com uma abordagem diferente, com fim de “fortalecer e dar garantia as pessoas que transacionam com criptomoedas”. (PORTAL DO BITCOIN, 24.02.2019; site da CÂMARA DOS DEPUTADOS, acesso em 07.03.2019)

* * *

Rússia planeja emitir criptoativo oficial – Segundo Oleg Nikolayev, membro da Comissão de Política Econômica da Duma (Congresso Federal Russo), um projeto de lei sobre criptoativos está na fase final tramitação. Caso a lei seja aprovada, será possível desenvolver de forma oficial a tecnologia e os criptoativos. Entre as iniciativas de desenvolvimento, há a previsão de lançamento de um criptoativo lastreado no petróleo. (CRYPTORADAR;26.02.2019)

* * *

Celular EXODUS1 recebe atualizações – O celular Exodus1 da HTC, que conforme noticiamos no boletim do dia 28.12.2018 é considerado o primeiro celular com tecnologia blockchain, receberá cerca de 20 novos aplicativos descentralizados. Entre os aplicativos, foi anunciado um rastreador que coletará dados pessoais e permitirá a venda desses dados para empresas previamente cadastradas, de forma transparente e totalmente controlada pelo usuário do celular. Além disso, o navegador Opera será integrado no celular e, através da sua wallet, será possível realizar micro pagamentos em sites que aceitem criptoativos. (THE VERGE; 26.02.2019)

* * *

Facebook planeja lançar criptoativo – Conforme noticiado no nosso boletim do dia 12.02.2019, o Facebook contratou um time envolvido na startup Chainspace, dando indícios de que intensificará investimentos em blockchain. Agora, de acordo com o New York Times, o Facebook está desenvolvendo um criptoativo para usuários do WhatsApp, que funcionaria como sistema de pagamentos, nos moldes do que é utilizado pelo WeChat. (NEW YORK TIMES, 28.02.2019)

* * *

Cold Wallets da QuadrigaCX foram encontradas vazias – Conforme noticiado no nosso boletim do dia 12.02.2019, a maior exchange canadense, QuadrigaCX, perdeu acesso a US$190 milhões em criptoativos com a morte de Gerald Cotten, seu CEO. Na ocasião, foi informado que a QuadrigaCX era gerida pelo seu CEO através de seu computador pessoal e a sua viúva descreveu que o procedimento usual era a transferência dos criptoativos para uma cold wallet para protegê-los de hackers e roubos virtuais. Contudo, recentemente foi apurado que seis cold wallets em que a Exchange guardava seus ativos estariam zeradas. De acordo com a detalhada timeline publicada no site Amy Castor, em fevereiro de 2019, 104 bitcoins foram transferidos da hot wallet da Exchange para a cold wallet do CEO reportado como morto. Diante de tamanhas reviravoltas, já há certa especulação sobre a veracidade da morte do CEO. (BLOOMBERG, 01.03.2019; AMY CASTOR, acessado em 07.03.2019; INVEST IN BLOCKCHAIN, 11.02.2019)

* * *

Blockchain Desk Indica
Para aprofundar os estudos sobre Smart Contracts, indicamos nesta edição o artigo “An Introduction to Smart Contracts and Their Potential and Inherent Limitations”, publicado em Harvard Law School Forum on Corporate Governance and Financial Regulation, escrito por Stuart D. Levi e Alex B. Lipton. O artigo analisa os smart legal contracts à luz do ordenamento jurídico norte-americano, mas também levanta pontos importantes para o estudo do tema no Brasil, desde a sua eficácia até o possível futuro da tecnologia.

* * *

Mandem suas críticas, sugestões de temas e tudo mais que possa contribuir para a melhoria do nosso boletim, clicando aqui.

Confira nossos informativos anteriores clicando aqui.

Até a próxima edição!
Blockchain Desk.